Culpa ardente af Inger Gammelgaard Madsen

Culpa ardente

af

Johan Boje, agente policial da Jutlândia Central e Ocidental, morre após ser atropelado por um carro em alta velocidade na frente da sua casa, em uma noite de março. Seu chefe, Axel Borg, é um dos primeiros a chegar à cena do crime. Ele logo percebe que não se trata de um mero atropelamento com omissão de socorro, mas de um brutal assassinato. O filho de nove anos de Boje alega ter visto o carro e que era um policial que o dirigia. Será apenas uma peça pregada pela imaginação do menino traumatizado? A câmera de segurança de um posto de gasolina confirma a versão do menino: era alguém em uniforme da polícia que estava dirigindo o carro naquela noite fatídica. Rolando Benito, investigador da Comissão Independente de Queixas contra Policiais, é encarregado do caso. Qual dos colegas de Johan Boje teria motivo para um ato tão extremo? Rolando Benito se junta a Anne Larsen, jornalista da TV2 Jutlândia Oriental. Eles seguem os indícios até um incêndio que teve sérias consequências para uma família da região. Será que o incêndio foi acidental? Anne e Rolando acham que o motivo pode ser bem diferente do que parecia à primeira vista. Agora, eles devem caçar o culpado antes que ele ataque novamente.
Inger Gammelgaard Madsen (1960) é uma escritora dinamarquesa. Sua formação original é em design gráfico. Sua estreia se deu em 2008, com o romance policial "Dukkebarnet", e desde então escreveu vários livros nesse gênero. Entre eles, estão "Drab efter begæring" (2009), "Slangens gift" (2014), "Dommer og bøddel" (2015), "Blodregn" (2016) e "O limpador" (2019).

Læs mere
  • Sprog:
  • Portugisisk
  • ISBN:
  • 9788726232448
  • Udgivet:
  • 12. august 2019
  • Straks på e-mail
  • 38,95 kr.
Eller spar samlet 15% som medlem
  • 33,95 kr.
  • 6,04 kr. (15%)
  • Forudsætter medlemskab (ingen binding)
    1. uge gratis, herefter 79 kr./md. og kan opsiges når du vil.
Bag om Culpa ardente
Johan Boje, agente policial da Jutlândia Central e Ocidental, morre após ser atropelado por um carro em alta velocidade na frente da sua casa, em uma noite de março. Seu chefe, Axel Borg, é um dos primeiros a chegar à cena do crime. Ele logo percebe que não se trata de um mero atropelamento com omissão de socorro, mas de um brutal assassinato. O filho de nove anos de Boje alega ter visto o carro e que era um policial que o dirigia. Será apenas uma peça pregada pela imaginação do menino traumatizado? A câmera de segurança de um posto de gasolina confirma a versão do menino: era alguém em uniforme da polícia que estava dirigindo o carro naquela noite fatídica. Rolando Benito, investigador da Comissão Independente de Queixas contra Policiais, é encarregado do caso. Qual dos colegas de Johan Boje teria motivo para um ato tão extremo? Rolando Benito se junta a Anne Larsen, jornalista da TV2 Jutlândia Oriental. Eles seguem os indícios até um incêndio que teve sérias consequências para uma família da região. Será que o incêndio foi acidental? Anne e Rolando acham que o motivo pode ser bem diferente do que parecia à primeira vista. Agora, eles devem caçar o culpado antes que ele ataque novamente.



Inger Gammelgaard Madsen (1960) é uma escritora dinamarquesa. Sua formação original é em design gráfico. Sua estreia se deu em 2008, com o romance policial "Dukkebarnet", e desde então escreveu vários livros nesse gênero. Entre eles, estão "Drab efter begæring" (2009), "Slangens gift" (2014), "Dommer og bøddel" (2015), "Blodregn" (2016) e "O limpador" (2019).
Andre købte også..
Brugerbedømmelser af Culpa ardente


Andre bøger af Inger Gammelgaard Madsen
Se alle titler
Gør som tusindvis af andre bogelskere

Tilmeld dig nyhedsbrevet og få gode tilbud og inspiration til din næste læsning.